Quinta-feira, 27 de Setembro de 2007

F. C. Porto prepara exposição à UEFA.

Pois é meus senhores e senhoras, o F. C. Porto vai fazer uma exposição à UEFA, depois do jogo de ontem com o Fátima.

E eu acho que os azuis e brancos tem razão. Não se admite o que se passou naquele jogo, é uma vergonha.

Tudo bem que o F.C.P. tem o pápa, o grande Jorge Nuno Pinto da Costa, mas os outros tinham a virgem. Não é justo desculpem.

O Pinto da Costa só consegue intreferir nos jogos antes destes acontecerem, mas viu-se claramente que a virgem interveio durante o jogo.

Eu sei de fonte segura que houve promessas antes do jogo. Os jogadores do Fátima prometeram à virgem que iam a pé até à basilica. E foram mesmo. Agora do estádio à basilica são meia duzia de quilometros, se tanto.

Imaginem o que era os jogadores do F. C. P. prometerem que iam a pé até ao local onde está o pápa do futebol portugues. Vocês já imaginaram o que era fazerem a viagem a pé de Fátima até à Invicta? Pobre dos homens. Bem, pobres pobres não, que se calhar até mereciam, mas era complicado. Notou-se que aqueles jogadores correram pouco, para se pouparem para a viagem de regresso caso ganhassem.

Mas voltando à questão da queixa  à UEFA, o F.C.P. vai alegar que a bola, no ultimo pénalti que falharam, foi desviada por força divina já que ia na direcção da baliza e depois desviou-se.

Diz quem estava no estádio que se sentia no ar um leve aroma a perfume de mulher. Como todos sabemos é sinal que ou a Lili Caneças estava no estádio, que não estava, ou então andava ali a virgem, o que se veio a verificar depois.

Os meus parabens ao Fátima, mas deixo aqui o aviso: está a haver o apito dourado, já começou devagarinho o avermelhado, e quer-me parecer que vai haver o transparente, já que ninguem sabe a cor da virgem.

Ainda corremos o risco de ter um escandalo e ver na mesma prisão Pinto da Costa, Vieira, Vale e Azevedo, Carlos Cruz, Bibi e a virgem. Tudo por crimes que todos sabemos que cometeram, mas ninguem tem provas.

 

Beijinhos e abraços e muitos palhaços

 

FORÇA PORTO


publicado por sensei às 11:10
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 13 de Setembro de 2007

É MAIS UMA VERGONHA

É uma vergonha, que um brasileiro, que se diz apaixonado por PORTUGAL, nos suje o nome desta forma.

Eu não admito que um brasileiro, um angolado, um servio, seja ele de que nacionalidade for, venho pra cá ganhar dinheiro e suje o nome do nosso PORTUGAL.

Depois de já ser vegonhoso a merda de jogo que fizeram, o palhaço do Scolari ainda tenta dar um soco a um jogar. Desculpem, mas devia ter-lhe partido a tromba toda, mete-lo no hospital 15 dias, porque ele estava a envergar a camisola de PORTUGAL, tinha as quinas no peito e isso não se pode admitir.

Vem ele pra cá, utilizar um equipa feita por José Mourinho, que é PORTUGUES, tirou os estranjeiros e meteu nesse lugar PORTUGUESES, e utilizou sempre a mesma equipa. Ele não percebe nada de futebol. Meter o Brazil a jogar e a ser campeão, até a minha avó o fazia, porque os jogadores jogam por si.

Portugal tem neste momento os melhores, ou dos melhores, jogadores da sua história, por isso o que ele esta a fazer não é nada de transcendente. É utilizar sempre os mesmos, mesmo que eles nao joguem o resto da epoca.

Que anda lá a fazer o Postiga, se não joga no FCP? Que faz lá o Nuno Gomes se não acerta com uma bola nas redes a não ser pelo lado de fora? Que faz lá o Deco que não jogou nada ontem e cometeu muitos erros?

Será que só aqueles merecem ir à selecção?

O João Vieira Pinto foi afastado de selecção por ter dado um soco num arbitro. Ele é PORTUGUES, tava a defender as cores do seu país. Já nessa altura foi mau e ele próprio admitiu. Mas muito pior é ser um estrangeiro, que vem ganhar milhões e dar uma má imagem do nosso país. Que ele esteja habituado a andar a porrada quando não lhe correm as coisas bem, é problema dele, mas usando a camisola das Quinas não pode ser. Quero ver se tambem vai ser afastado da selecção, já que não faz falta nenhuma.

Que sabe ele mais de futebol que os treinadores PORTUGUESES? Quantos titulos tem ele e quantos tem o Manuel José? Manuel José é um grande treinador PORTUGUES, que pode fazer ainda muito por PORTUGAL.

Quero ver se o Madaíl, que desconfio anda a levar e a dar no pacote ao scolari, porque acho que são duas "Amélias" que ali andam, vai ter coragem para o mandar embora, ou vai simplesmente beber mais uma garrafa de whisky e passar uma noite na "Kalulu".

Mandem o scolari embora, ajudem PORTUGAL e mandem esse estafermo embora. Pugilistas de top temos muitos. Ele porque nao vai lutar com o Bento Algarvio? Será que tem medo?

Outra coisa que me intrestesse, é passarem a merda de jogo de futebol que passaram ontem e não passarem no canal 1 da RTP o CAMPEONATO DO MUNDO de rugby, onde os nossos LOBOS conseguem feitos notáveis. Eles cansam-se mais a cantar o HINO PORTUGUES, que as maribelas do futebol num jogo de 90 minutos.

É Vergonhoso não passarem o CAMPEONATO DA EUROPA DE BASQUETE, quando PORTUGAL realizou uma excelente prova. Porque relegar para o segundo canal? Não são mais dignos que as donzelas do futebol? Pelo menos dão mais a PORTUGAL que elas, suam mais a camisola que elas.

Porque não passam o CAMPEONATO DO MUNDO DE JUDO? É um desporto menor? Temos mais titulos que o futebol, honramos mais a camisola que eles, não andamos a porrada como eles, somos mais cordiais.

A merda de passarem sempre o futebol e os outros desportos serem paisagem não tá com nada.

Paga um bilhete para ir ver aquele palhaço tentar agredir um jogador adversário... mais vale ir ver boxe, porque pelo menos são cordiais.

Realmente o palhaço do scolari devia ser erradiado do desporto. E devia ser extraditado sem premissão de entrada em terras LUSAS, onde não precisamos de um panilas como aquele para nada. TEmos os nossos defeitos, mas somos PORTUGUESES. Ele quer fazer merda que vá para o Brazil, que lá pode andar aos tiros nas favelas que ninguem lhe diz nada.

Tenho vergonha e acho que muita gente tambem a tem. Não tenho nada contra os brasileiros, angolanos, ou seja quem for, mas não venho pra ca tenter denegrir PORTUGAL, porque eu tenho orgulho no meu país e se voces sairam do vosso é porque não vos orgulhais tanto dele assim ou então não tivesteis as oportunidades que tendes cá.

Scolari, queres porrada? Eu posso ajudar-te nisso palhaço....

sinto-me: Orgulho em ser PORTUGUES

publicado por sensei às 09:56
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 28 de Agosto de 2007

Mudar de vida é foda

No outro dia resolvi mudar de vida. É verdade. Já estou farto desta vida que levo, não saio da cepa torta, não tenho dinheiro nem gajas.
Então comecei a pensar o que poderia eu fazer para ter dinheiro, mulheres e sair da cepa torta. E não é que encontrei várias soluções?
A primeira era ser árbitro de futebol. Ah pois é, se não vejam. Um árbitro de futebol tem que ser estúpido (o que graças a Deus a minha mãezinha diz que sou) para andar a correr atrás de uma bola, nunca tocar nela, e mesmo que ela venha na sua direcção ele desvia-se. Depois deve ganhar bem, porque eles agora têm todos bons carros, andam todos penteadinhos e ainda mandam que se farta. Devem ter uma posição alta lá no campo, já que o que eles dizem é lei, mesmo que estejam errados (parece o meu paizinho que sempre que eu dizia que ele estava errado ele fazia-me mudar de ideia à força de bofetada). Para tudo ser perfeito só era preciso as mulheres. Claro está que qualquer pessoa sabe, que arbitro que se digne, tem que aceitar as brasileiras gentilmente cedidas pelos presidentes dos clubes que eles vão apitar. Isto era ouro sobre azul, não fosse eu não gostar de correr, muito menos atrás de uma bola, e de eu preferir estar no meio de mulheres do que no meio de 22 homens que quando acham que tem razão vão até ao arbitro e dão-lhe barrigadas. Aquilo a mim parece-me um pouco paneleiro, mas...
Depois pensei em ser dirigente de futebol. Também mandam que se farta, tem bons carros, viajam para todo o lado com a equipa. Aqui tínhamos o problema das mulheres. Claro que podia ir ao calor da noite procurar uma, mas depois ela ia escrever um livro a dizer que eu cheirava mal dos pés, que me cortava os pelos das orelhas, ou que eu mandava umas bujardas mal cheirosas, e eu acho que isso ninguém tem que saber, mesmo sabendo que toda a gente o faz. E depois havia outro problema ainda mais grave. Já repararam que todos os dirigentes parecem tristonhos e nenhum deles prima pela beleza? Claro que a minha mãezinha ia dizer que era o ideal para mim, já que ela diz que quando Deus distribuiu a beleza ela me estava a trocar a fralda porque eu tinha acabado de me borrar todo.
Foi então que pensei que podia ser ladrão. Fazer uns assaltos, uns golpes contabilísticos, umas cenas maradas. Mas depois reparei que isso em Portugal não rende. Se fosse nos States, em que uma pessoa vê nos filmes que eles andam em bons carros, que tem boas gajas, e que qualquer um lá pode chegar, eu ainda me aventurava. Mas em Portugal não dá mesmo. Se vocês repararem por cá eles tem bons carros sim senhor, tem bons lucros sim senhor, mas as gajas valha-me Deus. Prontos, lá o Carrilho se safou com a Barbara mas isso é uma excepção. Vocês já viram algum dos nossos governantes a ter uma mulher boa? Uma gaja que um gajo disse-se que a comia toda? Pois eu não. Eu comer ruim por comer, prefiro bater a punheta, já que a única diferença entre masturbação e sexo, é o convívio, mais nada.
Bem depois de me ter passado esta maluqueira de querer ser ladrão e como tal ir para o governo ou para a assembleia, resolvi ser engenheiro. Um engenheiro ganha bem, tem bons carros e até há alguns que tem boas gajas. Mas depois percebi que tinha que passar mais uns anos a estudar (eu sou o que tem mais escolaridade dos meus colegas, tenho a quarta classe tirada a noite depois de 20 tentativas... desculpem, minto, 21 tentativas, assim é que está certo). Então ouvi dizer que podia tirar um curso de engenheiro mesmo sem estudar, só precisava de ter dinheiro. Eu fiquei estupfa.... estupfac..... parvo prontos. Não é que se eu tivesse dinheiro e me inscreve-se na Independente, podia ser engenheiro sem nunca mostrar os papéis, sem nunca fazer exames e sem nunca ir as aulas? Era o que eu estava a precisar. Mas quando me disseram que corria o risco de chegar a primeiro-ministro desisti. Então não é que depois ia ter que ter uma gaja feia sempre a dormir comigo!! Não valia o esforço.
Esqueci a engenharia. Foi então que decidi ser amestrador de camelos. É verdade, está correcto, amestrador de camelos. Eu tinha lido num jornal que do Tejo para baixo era um deserto. Eu como nunca passei para aquelas bandas, achei que eles sabiam o que diziam. Então inscrevi-me num curso por correspondência de amestradores de camelos. Mas o curso tinha que ter animais para praticar-mos. Fui para sul, para o sul do Tejo, e chego lá e afinal aquilo não era nada um deserto. Claro que procurei uns camelos, mas fiquei a saber que eles andavam para os lados da Assembleia da República. Fui até lá e pelo caminho disseram-me que devia falar com um camelo chamado Mário Lino, era o único que me podia ajudar. Mas foi a desgraça, o camelo enervou-se e mandou-me embora, não me ajudou.
Voltei para casa e sem saber o que fazer para mudar a minha vida lá continuo aqui sentado, a olhar para o dia de ontem, a receber do fundo de desemprego ou do rendimento mínimo, que sempre me dá para pagar os cigarros, mas caramba não dá quase para comer nem para comprar medicamentos que também preciso para o catarro.
Este país.... que melhor sitio eu quereria para viver que um país que me pagam para não fazer nada?? Só a mim e aos funcionários públicos.
 
Beijinhos e abraços e muitos palhaços
sinto-me: Com falta de mimo

publicado por sensei às 14:41
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 2 de Agosto de 2007

Somos os mais avançados do planeta e arredores

A afirmação do titulo, até parece estupida, e até acredito que seja, mas eu gosto de sonhar e como ainda não pago impostos por sonhar, posso dizer qeu nós somos os mais avançados.

E eu até posso fundamentar isto que estou a dizer.

Toda a gente, principalmente aqueles que já tiveram, estão, ou contam estar emigrados, dizem que este é um país de merda. Pois bem meus senhores, eu tenho orgulho em viver neste país de merda. É a verdade. Muita coisa cá está mal, mas os outros teimam em copiar o que nós cá fazemos.

É normal, ainda que esteja a desaparecer essa pratica, deixar os miudos cagados durante algum tempo, porque não nos apetece andar a gramar o cheiro da merda deles. Bem, isto até que nem é verdade, mas até podia ser e eu até lanço um apelo para que seja. E pergutam vocês porque é que um maluco como eu anda a dizer tantas barbaridades?

Pois bem, eu explico. Não vai a muito tempo, veio no jornal a noticia com o titulo: "fralda cheia salva criança". Esta noticia era referente a uma outra de uns dias antes, em que uma puta de uma vaca malhada (e desculpem as prostitutas que eu tanto prezo, e as vacas malhadas tambem) tinha atirado um bebé da varanda. Isto até se percebia, se em baixo estivesse alguem para o apanhar e se o apartamento estivesse em chamas e não houvesse outra solução. Percebia-se, claro está, se quem o estivesse para agarrar não fosse um dos guarda-redes dos vermelhinhos do garrafão, ou então o Ricardo que agora é do Betis, se não o miudo ia bater com o costado no chão na mesma. É que tarem eles ou não tar ninguém é a mesma coisa. Mas seguindo. Todos se lembram dessa história. Pois bem, parece que foi a merda que o miudo tinha nas fraldas que o salvou. Há quem diga que foi milagre, há quem diga que foi a mão de Deus que o segurou (mas tenho a dizer que ninguem viu o Maradona por perto na altura), há quem diga muita coisa. Eu digo que este miudo nunca mais poderá dizer "esta cagada soube-me pela vida", porque a que lhe soube pela vida foi a que o salvou da morte. Por isso quando me dizem que nós vivemos num país de merda eu até tenho orgulho, já que com tanta merda, podemos cair a vontade, que primeiro o tombo não é grande, mas temos sempre a hipotese de nos safarmos.

Se não vejamos outra coisa. O estripador de Lisboa (sim que nós tambem tivemos um estripador), já se está a salvar dos crimes e de ir bater com o costado à chossa, porque passou muito tempo. Aqui esta a prova que nós, mesmo cometendo crimes, corremos o risco de nos salvarmos.

Outro é o caso do guarda que matou as raparigas. Ele apanhou 25 anos, que quanto a mim é muito pouco, mas pode safar-se ao fim de 5. Aqui mais uma prova que num país de merda nos safamos quase sempre.

Mas outra coisa que me orgulhe-se, é que mesmo os E.U.A. copiam o que nós fazemos cá, mas não tem tanta classe.

Eu tenho orgulho nos PORTUGUESES que inventaram a Via Verde. Muita gente não sabe, mas a Via Verde foi inventada em PORTUGAL, o tal país, que muitos dizem ser de merda. O que acontece nos outros países? Eles tem que parar para pagar a portagem. Nós cá já não precisamos. Os americanos já vieram cá tentar comprar a patente, para levarem para lá a nossa Via Verde e poderem dizer que era deles. Mas os inventores, que são, ou eram, da universidade do Minho (se não me engano), não a venderam. E eu acho que fizeram muito, mas muito bem. Parabens para eles.

Mas os americanos ainda ontem tentaram levar para lá outra coisa nossa. Voces repararam que houve uma ponte que caio lá nos states? E sabem porque? Porque nós tivemos a ponte de Entre-os-Rios. Se repararem, lá eles tambem tinham um autocarro na ponte e tudo. Eles com a mania das grandezas até mandaram abaixo uma ponte com 4 faixas de rodagem de cada lado, tinham muito mais carros lá em cima, era muito mais comprida, e o rio era muito mais largo. O que correu mal? É que cá nos temos engenheiros como o Primeiro Ministro, que ninguém sabe de onde vem, nem onde tirou o curso, mas que quando é para mandar abaixo eles são peritos. Claro está que o impacto é muito maior no final. Com menos carros, menos comprimento e coisas assim, nós tivemos mais mortos.

Aqui está mais uma prova, que nós, num país de merda, com pouca coisa, conseguimos resultados impressionantes. Imbativeis, atrevia-me eu a dizer.

Mais uma prova disto, é o caso de um simples cartaz, com uma frase a brincar com o ministro da saude, dá direito a expulsão de um directora que nem tinha nada a ver com o assunto, e ainda a acusam de deslealdade. Ou então um blog dá direito a uma queixa em tribunal por parte do nosso Primeiro-Ministro. Ou então que uma anedota sobre o Primeiro-Ministro dá direito a expulsão de um professor da DREN.

Só não percebo uma coisa. Como é que a falta de provas de que o Primeiro-Ministro é engenheiro não dá direito a um processo, ou a uma acusação sequer?

Mas tenho a dizer que tenho orgulho de viver num país que muitos dizem de merda, mas que para mim é o verdadeiro jardim à beira mar plantado

 

Beijinhos e abraços e muitos palhaços, ou ministros, ou primeiro-ministro, que é tudo a mesma coisa

sinto-me: estupido como o Zé Camarinhas

publicado por sensei às 14:40
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 6 de Julho de 2007

Noticias: dos vermelhinhos do garrafão a Inglaterra

Hoje venho cá falar de noticias. Noticias que sairam hoje nos jornais ou passaram na televisão.

Quando acordei, como habitualmente, liguei a televisão na RTP1 para ouvir as noticias, e fiquei naquela fase interessantissima e que sabe tão bem, em que nem dormimos nem acordamos, ficamos num estado de ausencia que sabe muito bem.

Foi quando estava nesse estado que ouvi que havia uns chineses que queriam fazer um OPA (operação publica de aquisição) aos vermelhinhos do garrafão. Eu sempre pensei que so o Berardo, que comparou futebol a sexo, era parvo para tentar comprar um clube como aquele, em que dos 6 milhões que dizem ser, só prai 6 ou 7 é que pagam cotas, e mais meia duzia é que vai ao estádio e segue a equipa.

Mas eu até percebo os chineses. Eles não percebem nada de futebol, só como arroz e pensam que nós somos uma cidade de Espanhã. Eles vão comprar um clube que vale pouco mais que o preço médio que eles praticam nas suas lojas em Portugal, perto de 1€ ou 1,5€.

Já viram o que vão lucrar os adeptos do Benfica com isto tudo?

Primeiro tem a certeza que não há mais operações coração, tirando se for por causa das tristezas que passam por falta de titulos, depois já não se preocupam mais com o vermelhinho do garrafão nem com a sua situação financeira, porque a partir dessa altura o clube passa a ser dos chineses e não deles.

Já imaginaram o novo nome do clube? Vai andar entre "tudo a 1€" e "Bazar Hong Kong". Tenho é duvidas se os adeptos vão ter oportunidade de escolher o nome, ou se nem isso vão fazer.

Agora imaginem onde os adeptos ainda vão lucrar mais. É que quase todos vão ter camisolas oficiais, que tinham comprado á 5 ou 6 anos, na feira lá da terrinha. Já imaginaram que o ainda vermelhinho do garrafão, vai ser equipado pela Mike, ou mesmo pela Abibas. Não me acredito  que os chineses deixem outro país fazer os equipamentos deles. Vais ser só camisolas oficiais por ai.

Depois há outra coisa. Negócio com jogadores deles. Simão vale, segundo dizem porque acho que nem metade vale, a rondar os 20 milhões. Negocio com os chineses, o passe dele passa a valer qualquer coisas como 5€. E já é muito valioso, eles só sabem contar notas de euro até 5. Vai ser só interessados nos jogadores a preço da chuva. E porque é que eles os vão vender tão baratos?

Na verdade não são tão baratos, é mesmo o valor deles. Nisso os chineses são correctos e não inflacionam nada. Mas eles podem vender a equipa toda, porque facilmente acabam por importar uma catrapada deles lá da china, que correm mais que os que lá jogam agora e ganham muito menos.

Será que eles vão gostar do equipamento apaneleirado cor de rosa?

Tou mesmo a ver as lojas do chineses na proxima coleção: compla camisola vermela ou losa como a equipa de futebol dos nossos amigos chineses.

Vai ser só facturar.

Outra coisas que também vem nos jornais de hoje é que o Miccoli ganhou juizo finalmente. Ele já não volta aos vermelhinhos do garrafão. Quando disseram isso a primeira vez, eu ainda pensei que era por causa do cor de rosa do equipamento alternativo, mas não. Ele vai jogar nos palermas, desculpa Palermo, de Itália, que por sinal joga de cor de rosa. Já repararem que até os palermas italianos tiram jogadores aos vermelhinhos do garrafão?

Já repararam que o Miccoli ficou um bocado apaneleirado no ano passado? Eu acho que ele não engordou, acho que engravidou e o pai deve ser o Luizão. Eles eram tão amigos... e com um nome como Luizão (que só faz lembrar o gay activo de um casal homossecual) e de miccoli (a sua doida), aquilo no balneário devia ser uma festa. Depois sempre tinham lá a lady N. Gomes, que devia prestar uma geral no pessoal todo, menos no treinador, já que o treinador era o unico que não andava com um sorriso na boca. Não sei se não andaria com mais alguma coisa, mas com sorriso não andava. Depois disto tudo, o Miccoli, que vestiu de vermelho, resolveu sair do armário e vestir sempre cor de rosa. Se os vermelhinho do garrafão tambem vestissem sempre de rosa, eu acho que ele ainda voltava. Era de rosa e com umas ligas a segurar as meias. É o sonho dele, de certeza.

Mas deixando o Futebol.

Vem no jornal "Correio da Manhã", na pagina 31 (se não me engano), que um portugues foi considerado um heroi na altura daqueles atentados falhados que houve em inglaterra.

Quando li isto, como portugues que sou, enchime de orgulho e pensei que ele tivesse feito algo de especial. Quando li a pequena noticia, reparei que afinal ele foi é parvo e teve uma sorte danada nao ter ido pelos ares.

Ele trabalha numa empresa de reboques, e não é que rebocou um carro com um engenho explosivo lá dentro? Os colegas é que repararam pelo cheiro que algo estava errado, já que cheirava muito a gasolina.

Desculpem mas este homem nao pode ser portugues por várias razões.

Um portugues nunca chega antes de nada. Só chega depois do acidente ou do atentado e anda sempre ao contrário do resto do mundo. Se explode uma bomba toda a gente foge, mas o portugues não. O portugues vai ver o que se passou. Por isso é que somos tão bons bombeiros.

Depois um portugues numa iria rebocar um carro mal estacionado. Porque? Porque corria o risco de depois lhe fazerem a ele o que ele fez ao outro. Portugues que é portugues estaciona sempre mal o carro. Desde que haja espaço para um outro carro passar sem lhe bater ou o riscar, é um excelente sitio para estacionar, nem que seja a porta do estádio dos vermelhinhos do garrafão. (desculpem, tinha dito que ia mudar de assunto, desculpem)

Depois portugues que é portugues, antes de fazer alguma coisa, repara sempre em tudo. E repara para que? Não é para coscuvilhar, que o homem portugues nao faz isso. É só para contar aos amigos com todos os promenores.

Logo este homem não é portugues, ele enganou tudo e todos. Ele não fez nada do que um verdadeiro portugues faria.

Esperem, sera que ele já é um portugues dos vermelhinhos do garrafão importados directamente da china? Se calhar vem com defeito.

Por falar em defeito. Já imaginaram os vermelhinhos do garrafão a jogar com uma fantastica camisola Mike ou Abibas com uma manga maior que a outra, as costuras a desfazerem, o simbolo mais colado e mal impresso, ou os numeros cozidos nas costas em vez de estampados? O futebol portugues já é um circo, mas os palhaços vão tar mais melhor bem equipados.

 

Beijinhos e abraços e muitos palhaços

sinto-me: encantado com as noticias

publicado por sensei às 10:18
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 1 seguidor

.pesquisar

 

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. F. C. Porto prepara expos...

. É MAIS UMA VERGONHA

. Mudar de vida é foda

. Somos os mais avançados d...

. Noticias: dos vermelhinho...

.arquivos

. Agosto 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

letras de canciones
SAPO Blogs

.subscrever feeds